Veja como a oficina pedagógica de matemática favorece o aprendizado

O primeiro contato com os números e o desenvolvimento de um raciocínio lógico desde os anos iniciais da educação infantil são táticas essenciais para estimular as competências intelectuais das crianças. Uma oficina pedagógica de matemática é muito importante para estimular o raciocínio lógico das crianças.

Partindo desse princípio, é comum o surgimento de algumas dúvidas. Afinal, de que modo essa oficina deve ser realizada? quais o materiais devem ser utilizados e como a escola deve se preparar para executar esse evento?

Para ajudar a responder questões como essas, neste artigo vamos falar sobre a importância de oferecer uma oficina pedagógica de matemática na escola, além de apresentar algumas dicas interessantes para utilizá-la como uma ferramenta eficiente no processo de ensino. Confira!

O que é uma oficina pedagógica e qual é a sua importância para a educação infantil?

De modo geral, a oficina pedagógica pode ser definida como uma técnica de aprendizagem que incentiva a transmissão de conhecimentos e a troca de informações de uma maneira mais interativa, lúdica e dinâmica.

Por meio do uso de ferramentas educacionais complementares, como atividades extracurriculares, oficinas e jogos, é possível despertar a atenção dos alunos de diferentes formas, além de apresentar conceitos teóricos essenciais à sua formação.

Com foco em um tema específico, como a disciplina de matemática, essa proposta educacional tem como principais objetivos aprofundar conhecimentos e promover a interação entre os alunos por meio de exercícios que atraiam a sua atenção de forma lúdica, ampliando o saber e solucionando possíveis dúvidas.

Quais são as vantagens de aplicar uma oficina pedagógica de matemática na escola?

Tendo em vista a relevância do ensino da matemática durante todas as séries do período escolar, é essencial que os educadores promovam atividades diferenciadas para despertar a curiosidade dos alunos sobre o assunto e manter o seu interesse desde os primeiros anos.

Nesse aspecto, a implantação de uma oficina pedagógica se apresenta como uma excelente alternativa para sair da rotina da sala de aula, diversificando o método de aprendizagem convencional, além de ser uma boa oportunidade para reforçar os conceitos aprendidos durante as aulas.

Agora que você já sabe o que é uma oficina pedagógica e por que ela pode ser uma boa alternativa para o processo educacional, vamos falar sobre algumas orientações práticas, sobre como aplicá-las em sua metodologia escolar, além de dar algumas dicas de materiais que podem ser utilizados pelos professores durante as atividades. Veja a seguir!

Como a oficina pedagógica deve ser realizada?

Para atingir resultados realmente eficientes com a oficina pedagógica de matemática, a coordenação pedagógica e os professores devem trabalhar em conjunto para desenvolver um planejamento estruturado, com atenção especial para alguns pontos que farão toda a diferença para o andamento das atividades, como por exemplo:

  • ter um objetivo para a realização da oficina, como reforçar o conteúdo aprendido em aula, apresentar conceitos de forma lúdica para facilitar o entendimento, entre outros;
  • escolher um local adequado dentro do ambiente escolar para que essas atividades sejam colocadas em prática;
  • calcular o tempo previsto para a realização integral dos exercícios propostos e criar um calendário organizado;
  • selecionar materiais didáticos adequados às diferentes faixas etárias e objetivos estipulados no planejamento da oficina.

Dessa forma, o educador terá em mãos um guia organizado e as ferramentas necessárias para que, enquanto mediador das atividades, consiga fazer da oficina de matemática um momento de aprendizagem ativa, complementando os conteúdos adquiridos em aula e incentivando uma maior participação dos alunos.

Que materiais podem ser utilizados pelos educadores?

As atividades e as ferramentas escolhidas para a realização da oficina devem ser adequadas às diferentes séries escolares. Por isso, a seguir, vamos mostrar alguns materiais pedagógicos que podem ser usados na sua escola.

Ábaco

Por meio da compreensão de conceitos matemáticos básicos, como as quatro operações (adição, subtração, multiplicação e divisão), ordens numéricas, sistemas de numeração, quantidades, formas e aprendizado de cores, esse material estimula o raciocínio lógico e a busca de estratégias e táticas para a resolução de problemas.

O uso do ábaco também estimula a capacidade de atenção, o aumento da concentração e a criatividade dos alunos.

Conjunto de formas geométricas

Formado por blocos feitos de materiais como madeira, MDF ou plástico, esse conjunto traz diferentes formas geométricas — cubos, esferas e prismas —, com tamanhos, espessuras e cores diversas, estimulando a aprendizagem de conceitos de seleção, comparação, classificação e ordenação.

Dessa forma, o brinquedo permite que a criança exercite seu raciocínio lógico, a capacidade de reconhecimento de figuras, além de ampliar o seu potencial de observação e de abstração.

Quebra-cabeças

Com diferentes tamanhos e quantidade de peças, os quebra-cabeças são excelentes ferramentas para desenvolver o raciocínio lógico-matemático dos alunos da educação infantil ao trabalhar noções de organização espacial, de posicionamento e de associação.

Ao agrupar as peças e encaixá-las corretamente, os pequenos também desenvolvem habilidades importantes, como a concentração, a coordenação motora, a tranquilidade e a confiança para lidar com desafios diversos.

Material dourado

Com esse material é possível abordar de forma ampla o conceito de números, de modo que as crianças compreendam operações diferenciadas, tópicos como classes e ordem, números decimais e fracionários.

Aqui, a criança será incentivada a explorar as peças e a descobrir a melhor forma de agrupá-las, exercitando o raciocínio, a capacidade de seleção e de agrupamento, a percepção e o reconhecimento de formas diferenciadas.

Esses e outros materiais de apoio são especialmente desenvolvidos para as atividades pedagógicas e podem ser encontrados em lojas específicas ou em sites voltados para o público educacional. E, quando utilizados completamente, são excelentes ferramentas para complementar os conhecimentos teóricos aprendidos no dia a dia de aulas.

É importante ressaltar, ainda, a necessidade de um acompanhamento constante e de uma avaliação dos resultados conquistados com a oficina pedagógica de matemática para medir a sua eficácia ou a necessidade de realizar mudanças em sua aplicação para os alunos da educação infantil.

Se você gostou deste artigo e quer conferir outras dicas incríveis para o desenvolvimento de atividades educacionais, não deixe de assinar a nossa newsletter! Você vai receber o nosso conteúdo diretamente em seu e-mail e vai ficar por dentro de tudo o que acontece no universo das escolas.

Sistema de gestão escolar infantilPowered by Rock Convert

4 Comentários



  1. Avatar

    Artigos excelentes e de fácil compreensão, estou revisando PPP e estou me orientando por aqui. obrigada!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *